NOROESTE DA NIGÉRIA


A Cidade de Kano, a mais antiga principal cidade do sub-Saára da África, tem mais de mil anos. Por séculos, era um dos centros comerciais na África Ocidental. Hoje, ela é a terceira maior cidade da Nigéria e a maior cidade na região norte da Nigéria. Localizada ao centro, a Cidade de Kano opera como um terminal para toda a região norte, interligada por rodovias e meios de comunicações aos demais centros mais populosos da região. Visto do seu papel histórico de ser um centro comercial entre o Saára, descendo ao sul para Zaria, Kano continua uma relíquia viva e moderna de um passado rico.

O Palácio do Emir em Kano é o passado incarnado com as suas antigas paredes de pedra e o portão principal, no coração dessa antiga cidade, rodeada por uma parede com circumferência de 17,7km de extensão, e com 16 diferentes portões. Próximo ao palácio, o Museu Gidan Makama que oferece uma excelente história de Kano e dos povos Hauçá e Fulani. A Mesquita Central de Kano é uma das maiores da Nigéria e, com autorização; um visitante pode subir ao topo de um dos seus minaretes (torres da mesquita) para ter uma vista espetacular da cidade abaixo.

Kaduna era anteriormente a capital colonial da região norte da Nigéria. Localizada à margem do Rio Kaduna, a cidade é uma importante encruzilhada com ruas se espalhando por diversas direções. Kaduna é o principal centro de comunicações e a base industrial, mas é também uma metrópole crescente através da qual os turistas podem explorar as cidades interioranas da cercânia. Dentro de Kaduna existe um Museu Nacional na Rua Ali-Akilu que exibe esculturas de madeira, máscaras, imagens Nok em Terracota e os bronzes de Benin. Há planos para realizar anualmente o festival Durbar de Kaduna, igual ao festival Durbar de 1977, que atraiu todos os Emirs no norte da Nigéria à Kaduna.

Katsina, a cidade localizada no extremo norte da Nigéria, fica à margem do Sahel e faz fronteira com o país vizinho de Níger, com que andou tratando de negócios por vários séculos. Katsina, uma das mais antigas cidades Hauçá cercadas por paredes, é a capital do Estado de Katsina. O Minarete de Goborau, um ponto de atração turística mais pitoresco, é o mais alto prédio feito de tijolo de argila da Nigéria e tem 250 anos. Uma linda vista de Katsina pode ser percebida do topo, uma área que organiza os melhores e mais amplos festivais de Durbar.

Birnin Kebbi, uma antiga cidade Hauçá-Fulani cercada por paredes, é a capital do Estado de Kebbi. O local é famosa pelas artes e pelos artesanatos, contas, espadas e cristais tradicionais, e é o local do Festival de Pesca de Argungu, uma das mais comuns atrações turísticas da Nigéria. Realizado anualmente, o festival atrai competidores dos países vizinhos das Repúblicas de Níger e Chad, junto com muitas turistas do mundo afora. Além da tradicional competição de pesca, há também as competições de pugilismo e luta livre.

Sokoto, o centro de atividades islâmicas da Nigéria, é a cidade do Sultão de Sokoto, o líder espiritual dos muçulmanos da Nigéria. A cidade se estende com avenidas enfeitadas com árvores e pistas largas, parecendo um oásis em região de semi-deserto. Sokoto é também uma das grandes cidades comerciais da região norte da Nigéria, com antigas rotas comerciais atravessando o Saára em direção a Marrocos e Argélia. É conhecida pelo seu couro trabalhado à mão. bolsas, carteiras, leques de couro e demais ítens que exibem o seu elegante artesanato.

O Palácio do Sultão é uma vista encantadora, com a sua extravagante arquitetura e os seus guardas vestidos de regálias multicolores. Às 21:00 horas às quintas-feiras, os visitantes podem assistir aos músicos tocando o Tambari para o Sultão. Usman dan Fodio, o fundador dos atuais estados Hauçá-Fulani, foi enterrado em Sokoto. Embora o local não seja um ponto turístico, portanto tem grande importância histórica.

Zaria, uma das sete cidades originais Hauçá foi fundada n Século XVI, é uma cidade vibrante e atraente que reteve a sua antiga vista pois deixou muitos dos modernos desenvolvimentos industriais para a cidade vizinha de Kaduna. Antigamente cercada por umas paredes de 19 km, ainda bem conservada em algumas áreas, Zaria tem três importantes instalações: A Universidade de Ahmadu Bello no bairro de Samaru, a primeira universidade no norte da Nigéria, o Colégio Barewa, o mais antigo colégio de ensino médio, por onde estudaram muitos dos líderes políticos e militares, e por fim a Escola da Aviação Civil da Nigéria, o único dos seus pares na África do Oeste.